PT | EN | ES

Menu principal


Powered by TEITOK
© Maarten Janssen, 2014-

PSCR1741

[1730-1752]. Carta de Maria Clara da Anunciação para António José da Mota.

Autor(es)

Maria Clara da Anunciação      

Destinatário(s)

António José da Mota                        

Resumo

A autora queixa-se do desinteresse do destinatário, dá provas do seu afeto e encaminha várias orientações quanto à circulação de escritos trocados entre ambos, revelando certa preocupação face à mediação desta correspondência. Comenta ainda alguns factos ocorridos entretanto.
Javascript seems to be turned off, or there was a communication error. Turn on Javascript for more display options.

rS Antonio Joze mt eu noer vm crer eirador sendo que samos so se hei não vise diria que hera mentira mais como eu istava ONa ginela vi o que pasou por iso dou a rezam o dito papel que vm pede ja tenho feito; he coando sosedeu hisso o manoel entergou a sua molher para me entergar he ficou com raiva he disse que não queria andar com mais Nada rS Anto Joze vm não me qur Bem meu corasam eu quero a sua pessoa Bem mais se vm Bem soBera o que esta no meu corasam vm Bem soBera pesso a vm por qem he não fassa couza que se diga couza de menino o Manoel me dise que vm he disse que trossese o papolinho que dava 8 pataca não me dexou acoar asim que acoBei de fazer fou logo pera la encontro com meu rrimão que he diaBinho vm fassa com manoel que tome o papel da man da sua Molher vm semper hi dei semper que he permeteio i era com ele tra logo o papel a vm. como ele tomou pano fornco da loge ele esta devendo vm he dise que le dava hiso por isso fes a divida com a fiuza de vm não tenho que recommendar a vm sem falta fassa tudo com ele que he que eu dezeio fassa mto com hele pesso pesso mto corasam que dezeio Bem

De vm sua Serva mto de Anto Joze Ma C De nusia

espero pas com manel tudo


Legenda:

ExpandedUnclearDeletedAddedSupplied


Download XMLDescarregar selecção atual como TXTVisualização das frases