PT | EN | ES

Main Menu


Powered by TEITOK
© Maarten Janssen, 2014-

PSCR1658

1761. Carta de António José da Silva para Joaquim da Silva Freire, bacharel formado em leis.

Author(s)

António José da Silva      

Addressee(s)

Joaquim da Silva Freire                        

Summary

O autor alerta o destinatário para a existência de cartas que ele parece não ter recebido, insistindo em que deve dar atenção ao assunto judicial (uma demanda) de que ele, destinatário, e o irmão estão encarregados.
Javascript seems to be turned off, or there was a communication error. Turn on Javascript for more display options.

Snr Dor Joaquim da Silva Freire

Recebi este corro huma de vmce e quando eu esperava que vmce me desse alguma noticia da minha demanda que tam repetidas vezes tenho recomendado a vmce e ao sr Mano, vejo que nesta materia me não dis couza alguma; donde venho a entender que as minhas lhe nam foram á mão, e sam tres as que lhe escrevi todas dentro das do sr Irmão; e em huma dellas lhe dei resposta ao que vmce me perguntava sobre a queixa do seo quinteiro, nem vmce de mim podia prezumir, que sendo eu tam seo amo como sou, e que tanto o venero havia de ser tam ingrato, que nam desse logo resposta ao que vmce me mandava. à vista disto peço a vmce mande ao corro buscar as cartas que estão, e me faça favor de pór todo o seo valimento neste nego e ver a carta que eu escrevo ao sr Irmão nesta matra que eu lha não posso repetir, pois neste dia dou á terra o corpo de minha mai; e dentro em dous mezes fiquei orfão de Pai, mai ( seja Ds Louvado pa sempre) Peço a vmce todo o cuidado, pois nam tenho outros valedores, e se vmces me dezemparão esta dependencia perdida vai de todo; e terei paciencia mas confio tudos em vmces Possua vmce saude prospera, e deme ocaziois de servir a sua pessoa q Ds gde ms as Coimbra 5 de Janro de 1761

De vmce Amo do C e servo mto obrigado, e vendor Antonio Jozé da Silva

Legenda:

ExpandedUnclearDeletedAddedSupplied


Download XMLDownload current view as TXTSentence view