PT | EN | ES

Main Menu


Powered by TEITOK
© Maarten Janssen, 2014-

PSCR0643

1749. Carta de António José Correia para Tomé Miranda.

Author(s)

António José Correia      

Addressee(s)

Tomé Miranda                        

Summary

O autor diz ao amigo ter conseguido entregar uma carta dirigida a Luís dos Santos (homem emigrado no Brasil e acusado de bigamia), dando notícias de que esse homem, por estar ocupado com mulher e filhos no Brasil, não iria dar tanta atenção à mulher e filha que tinha em Portugal.
Javascript seems to be turned off, or there was a communication error. Turn on Javascript for more display options.

Meu Amo e S Mto Estimei as novas de sua saude e da mais obrigação de caza, e Vmce me não falte com este mimo porq he de mto gosto.

Recibi a carta q Vmce me mandou pa Luiz dos Stos a qal pode fiar na certeza q lhe foy intregue sem embargo que elle não vive na cide porq vive asiste em citio retirado do povoado aonde esta com sua mer e filhos, e assim mal pode elle ter lembrança da mer e filha que tem, e não lhe paressa que he xasco, Cazou a face da Igreeja a annos que esta denunciado ao santo officio, e talves por se reciar fazerem-no logo descalso não se da mto a comunicação anda como fugitivo, porem a carta intregoulha amo seu; e sua legitima mer o quizer fazer hir pa a religião dos forçados pode requerer a qm tem ese poder; e âlguns dez annos que he cazado; e advirta vmce que he dos carapintros mais peroalvilhos que dese porto sahio.

Estimarei q esta ache a vmce e a sra minha vizinha e aos mininos com saude q o meu amor lhe dezo; e veja se lhe presto de algua couza nesta terra porq o dezo servir, e mostrarme aggradecido e não me despeso (querendo Ds) de que ainda havemos ter hũas merendas no Beato = Anto, o mesmo sr gde a todos por ms annoz. Bem do Para 31 de Mayo de 1749

Meu amo e sr Thome de Miranda Amte Anto Jozé Corra

Legenda:

ExpandedUnclearDeletedAddedSupplied


Download XMLDownload current view as TXTSentence view