PT | EN | ES

Main Menu


Powered by TEITOK
© Maarten Janssen, 2014-

CARDS7103

1817. Carta de Felismina para seu irmão Jacinto Júlio de Queirós Moura, estudante.

Author(s)

Felismina      

Addressee(s)

Jacinto Júlio de Queirós Moura                        

Summary

Felismina escreve ao irmão mencionando que a mãe está menos incomodada com o facto de ele não passar as férias em Amarante.
Javascript seems to be turned off, or there was a communication error. Turn on Javascript for more display options.

Amarante quinze de maio Mano do C

Aqui veio hoje o Pro Bernardino nos dis que inda presistes na teima de ficar ahi faze o que quizeres a mai parece que ja não esta tão impertenada pois dice hontem que tanto se lhe dava que tu viesses como não emfim faze o que quizeres, novides não ha so a Ba. Apolinaria ja tem hum menino o Juis de fora diceme que tu partecipara deves darlhe os parabens da ma pte da os agradecimtos a essa Snra do mto que te tem obzequiado porem pareceme que tu mentes pois não hes digno de achar hua Snra com tão boas qualides como dizes porem se assim he deves estimalla devo dizerte como ama que sempre te lembres do cazamto do Dor João Luis enfim cendo como dizes mto dezejo conhecella e se soubera que as mas letras lhe erão aceitas daqui mesmo lhe partecipava a ma estima mandame dizer o nome intero della e que conte que em mim achara sem sempre hua fiel ama Jacintinho eu creio que se formares tenção de vir não podes tardar porque o menezes nos dice que estavas para fazer acto eu se não reciasse amofinar a mai pedialhe que te deixasse ficar mas tenho medo de lhe falar nisso Ads meo querido mano emthe ca

a tua do C Felismina

Recados meos mtos saudozos a Exma Snra D Jozefinha Clara Alexandrina de bom Sucesso Soza


Legenda:

ExpandedUnclearDeletedAddedSupplied


Download XMLDownload current view as TXTSentence view