PT | EN | ES

Main Menu


Powered by TEITOK
© Maarten Janssen, 2014-

CARDS7087

1822. Carta de João da Mata para Bernardo Félix.

Author(s)

João da Mata      

Addressee(s)

Bernardo Félix                        

Summary

O autor pede dinheiro para soltar um preso.
Javascript seems to be turned off, or there was a communication error. Turn on Javascript for more display options.

Snr Bernardo 20 d outubro de 1822

Estimarei que Estas o Vao achar de sa saude pois Eu istou milhor Snr Eu ca Reçebi 4 moedas da o do seu cumpadre e como ele me dis q me a de mandar a demazia da dita cantia que ele lhe pedio que são 8 moedas pois Eu nao sou santo que lhe posa Valer Eu o que pertendo he a demazia asim que a Reçeba Esta e queirame Logo mandar quando não pode ser que Vão a sua caza e que lh apanhe todo quanto tem e não queira ficar de Rastos os meus conRespondentes Ja lhe quizerão hir falar e com ma tenção e Eu por ter bom genio e tenho pedido munto que lhe não fação mal e eles me Responde que Vmce persiza todo quanto q tem abrazado com fogo pela bilhacada que Vmce tem ozado a Respeito da Reles quantia e aSim Eu ispero pela demazia i pelo mesmo portador pois Ja me conhese Eu faseme persizo aprontar 26 moedas para a Justiça pa obeter a minha Libardade daqui emte Janeiro e Eu mesmo faço tenção de falar com Vmce no fim de tudo Lembrese que sahi hum decreto par aver hum perdão Jaral e asim Vmce Se não quizer ter algum perguizo mandem a demazia munto depresa senão Eu quichome pois he bregonha pa a sua Cara João Da mata prezo da gale doente no ispital 2a imfarmaria


Legenda:

ExpandedUnclearDeletedAddedSupplied


Download XMLDownload current view as TXTSentence view