PT | EN | ES

Main Menu


Powered by TEITOK
© Maarten Janssen, 2014-

CARDS3090

[1620-1629]. Carta de Alonso Carrillo de Albornoz, comediante, sob o nome falso Martim Lopes, para Fernando de Ataíde Vasconcelos.

Author(s)

Alonso Carrillo de Albornoz, [Martim Lopes]      

Addressee(s)

Fernando de Ataíde Vasconcelos                        

Summary

O autor queixa-se da sua doença e faz um pedido, em nome de um terceiro, a Fernando de Ataíde Vasconcelos.
Javascript seems to be turned off, or there was a communication error. Turn on Javascript for more display options.

A estas horas q estou Com febre dous dias ha e com a apostema aberta e calcadas as esporas Para sancta Justa chegou Recado do Pe caçeres que esta o pobre tal que não pode sair de cassa por falta de meas capatos e chapeo; e ainda que tem Vistido he tanta a sua miseria que mais não Pode ser eu lhe dei un cruzado para o feitio do vistido allem dos dous mil Reis e agora he mister que V m lhe acuda co estes neçesarios que quem faz o mais he bem que faza o menos allem de ser necesario aCodir algũa igresa para nella ter credito qdo for neçesso. agora so eu que peço a V m me mande boas novas Suas ja que eu ho não posso fazer e cuydo que se V m me não tira daqui que quando cudaremos ter Carne não teremos espetos, Porem peço a V m se de horden na nosa istoria e se tragam os zorros Pera aCavar esta zorreira

de V m Martin Lopez

o Remedio deste Pobre ençerrado por Deos lho peco a V m so


Legenda:

ExpandedUnclearDeletedAddedSupplied


Download XMLDownload current view as TXT