PT | EN | ES

Main Menu


Powered by TEITOK
© Maarten Janssen, 2014-

CARDS3038

[1617]. Carta não autógrafa de António Álvares Cardoso, padre, para Dom Fernando de Ataíde Vasconcelos.

Author(s)

António Álvares Cardoso      

Addressee(s)

Fernando de Ataíde Vasconcelos                        

Summary

O autor explica como procedeu com uns escritos.
Javascript seems to be turned off, or there was a communication error. Turn on Javascript for more display options.

Ando, eu estou fora de mi, deixa vm ordem o Cunha pa deixar aqui o dro q vm disse, e diserlhe q fosse tomar as cazas, as cazas por tres mezes, e eu assim lho disse, e pera não aver desaviamento q se as não quisesse dar por tres, q as tomasse por seis, e porq aqui esta-va o carceres, q foi com elle ver as ca-zas, não deixou o dro q avia de tornar por aqui e deixaria o dro, o qual não tornou, nẽ tive mais recado algũ; Vendo eu isto, e vendo q foi sabado lua nova, e eu estou com os zorros em caza, e Com as chaves sẽ ver recado de vm, nẽ do Castelhano, feis esse esCrito a vm q Com este vai, Cudando q não seria ido, e o dro estaria em mão do Castelhano, acharão hjr ser vm ido, fis entam hum escrito ao Castelhano de minhas queixas, elle me mandou esse q vm ahi vera, Vendo eu isto, quis mandar como chegou o Carceres q se offereceo a hir, e deve ser o portador, vm veja o q se ha de faser, ou q dezordem, foi a de não ficar o dro, ou se teve vm outro aCordo, q me tem isto feito mais doente, do q estava, e Com isto nosso sor J, man-deme vm boas novas de sua saude, e da sra dona Violante; Criado de vm o padre Anto alvres cardozo.


Legenda:

ExpandedUnclearDeletedAddedSupplied


Download XMLDownload current view as TXTSentence view