PT | EN | ES

Main Menu


Powered by TEITOK
Maarten Janssen, 2014-

CARDS2163

1775. Carta de Dona Joana Isabel de Lencastre Forjaz para José Anastácio da Cunha, matemático e poeta.

Author(s)

Joana Isabel de Lencastre Forjaz      

Addressee(s)

José Anastácio da Cunha                        

Summary

A autora fala da sua saúde e da sua estima pelo destinatário; estranha a notícia de ele se ir casar. A Inquisição resumiu assim o conteúdo do documento: "Carta de Joana Izabel Lisboa 4 de Novembro de 1775 em que lhe chama Filosofo, e lhe escreve hum quarteto muito cheio de doutrina libertina = como aspera a virtude = defende o direito da Natureza"."
Javascript seems to be turned off, or there was a communication error. Turn on Javascript for more display options.

Sr Joze Anastacio

A sua carta que eu sinceramte estimei quanto se pode esti-mar não chegou a ma mão a tempo de poder responder no mesmo correio: uma dor terrivel que me tolhia a respiração e uma febre ardente pos em perigo a ma vida e em comfuzão a ma familia de sorte que me não derão as cartas cenão qdo a ma molestia começou a ceder. Mas quem não sabe que este foi o motivo de eu deixar sem resposta as cartas em que eu me vejo tão lizongeada, como julgaria a ma falta de agradeci-mento? Quaze todo o Mundo julga sobre aparencias; mas como os Filosofos se separão desta carreira eu sei certamte que não terei cido condenada. Os seus verssos que eu tenho lido mtas vezes achandolhe sempre uma nova beleza, bas-tão para dar um grande merecimento ao seu Autor; em que arebatamento éra necessario que a Alma estivece quando se fizerão quanto sofreria o coracão! alem disso, as imformações de um tão bom conhece-dor como o seu Amo; e as de mil outras Pessoas que fa-lão no seu nome com respeito, tudo concorre para eu formar um justo conceito a seu respeito. tenho uma impaciente curiozidade de saber toda a sua Istoria; não havera umas Ferias que me dem essa ocazião? e será certo o que me disse Dom Rodrigo? um Filosofo.. um Filosofo. traça um cazamento? eis aqui a meu ver, uma contradição da Filosofia. A sua conrespondencia faz menos triste a ma solidam: eu espero que ma continue. sempre terei a satisfação de comfeçarme mto

sua veneradora Joanna Izabel Lxa 4 de Novembro de 1775

Por que rezão não fizestes Justos ceos! por que rezão menos aspera a virtude ou mais forte o coração quem sabe defender tão bem os direitos da natureza glozará mto bem este quarteto.


Legenda:

ExpandedUnclearDeletedAddedSupplied


Download XMLDownload textSentence viewSyntactic annotationManuscript line view