PT | EN | ES

Main Menu


Powered by TEITOK
© Maarten Janssen, 2014-

CARDS2016

1724. Carta de Francisco Gonçalves Machado Carrina, padre, para seu tio, Jorge Fernandes, também padre.

Author(s)

Francisco Gonçalves Machado Carrina      

Addressee(s)

Jorge Fernandes                        

Summary

O autor escreve a seu tio, o padre Jorge Fernandes, para lhe dar instruções sobre uma série de procedimentos relacionados com o seu processo judicial.
Javascript seems to be turned off, or there was a communication error. Turn on Javascript for more display options.

Meu thio e Sr peCo a V m diga da minha parte A sra Ana pires que ontem 4 do Corente vi q o sr Anto Roiz e outros lhe tinhão agradeCido o juramento q deu na Cauza em que lhe sou parte nomeada por mim Coando me pregou a contraproducente e V m tanbem o pode agradeCer a este Cavalhero do Calvario e se digo este so o digo pa q hesa sra saiba em que este seu parente zarabola lhe pagou q se não tivese soCedido hiso o não dezia pois não promita Ds q heu saija Cauza de q V m tome odios Contra nimguem prenCipalmte Com Cais mas sen incargo pa q não Cudem q V m não sabe q lhe fes merCe na vezita senpre lhe nomeio aqueles Com quem heu não tenho tido duvidas procure hese Cornudo MestiCo do de q sorte sabe V m estava amanCebado Com Ana pires em q noutes o vio emtrar o de que serta a tinha por seu respeito e quem he o q lanCava a fama pubeliCa falelele por esta fraze que lhe não a de negar e dira isto mesmo a a Manoel Roiz Marmulo por ser seu vezinho lhe descobro este Digalo pela mesma fraze porq o Cão fes bastante inxerga não nomeio os mais pelo q digo ou pelos não saber digo milhor Coanto ao Carasco sempre V m fes bona inteiCão de lhe deixar reColher o meu pão e ao menos não lo inbargou mas Como V m lhe vive obrigado fes bem não fale neste homem q Como fes Carga ao Cão do pixaro e este se a de liverar pa q o não Contradite mas Con tudo isto a sua Culpa estava rediCula mas Como se governou por sim fes bem mas digo a V m que he gosto ver o degolaDeiro que os Cais se fizerão huns a outros mesmos e Coanto ao Rdo Reitor De adral no mesmo dia 4 do Corente vi q os judeus prencepiarão a lanCar lhe as espeCias no Caldo não os nomeio pa q Cada ora se va ingolfanDo mais inte que Chegue outra mahior pois por Cristans velhos so foi Culpado por seu grande Ao freituozo glz e senpre V m a este lhe peleije por bon modo pois não o tinha heu nesa reputaCão mas ao Reitor não lhe diga V m nada por via nemhumã e Coanto a joão pires esta de bon partido porq so tem 3 testas Contra si e bonas ContraDitas q lhe lanCar e veija se asentara bem no mil homens e no Crojo o dro do nunes e Costumado a jurar pois so Contra mim tem daDo 3 e se o joão lho diser q os não escandelize e Cuidado não solte lho mandei heu dizer nem V m a outra não a nomeio por meu adeverso e gudeu pa q in tenpo nemhumã se diga q por este Caminho proCurava inemigos pa os meus inemigos he o milhor q o joão tem he ter o pro tro da vezita Com dono e não lhe fazer Carga nesta Culpa he a mede ser bem pago Como outros de mais lote q Ca tenho feito e pagam me Com dizer que viva Dois mil anos e outras Couzas mas esta se se abafou agardeCo aCharse na folha onde se aChava a da que foi lial a seus parentes a verdade intendenDo se liverava por Ca e ser Culpa que se lhe inputou Comigo que hera brio meu que se não fizese Carga a nimguem por mor de mim e prencipalmte a q heu vivo tan obrigado - V m dira A Maria das eiras q me mande hũns linhas pretas q se Ca as ouvese a vender pretas não las avia de mandar pedir e q me mande humã saco grande se quizer A egoa sempre veija se a venDe porq por menos Dro se podera Comprar outra e a de ser neCeCario Dro mandea levar se não for pois me dizem esta bona pa vender agora isto se intende pagandoa e asim resolvase hir V m porq indo sempre ajusta e mandandoa não se pode tirar do preCo que lhe dar mand me dizer o q dis o guedes da terra de entre os Caminhos e das mais se a ha alguma laverada e a rapariga se pedio ao mahoma do Bras Roiz os desaseis vinteis gaifeiros não pareCe no livro da vezita nem o ferador e fasme ademiraCão dizer que o ladrão do preto os mandara noteficar diga a rapariga se me manda fazer hesas mesmas ou não Como o proprio desta intendo a a de intregar e o por humã grande favor q lhe fis que hele o dira a V m pois lhe dei e lhe meti as testemunhas de hũma emqueriCão de preguntas da sua parte na mão no mesmo dia 4 em Caza de Manoel Teixra por hesa rezão Como em a ultima mandei dizer a V m Com Clareza o avisaria sobre o Contrato dos Cais he o seguinte q Com o bispo Botelo todo o seu anelo he q heu me ConCerte ja V m sabe que me he preCiso dizer Com a lingoa q sim he por hesa rezão tenho pedido a meio mundo peCa aos Cais lhe escrevo e lhe falo a heles mesmos he fazendo asim se eisaltão e se imbrabeCem dizendo heu ja os Cometo e fazendo heles asim fazem me a vontade e heu faCo ao Bispo e so to o fizera dando Comprimto a sna de Braga doutra sorte desinganemonos que a mim e aos Cais nos inporta o desinganarmonos e asim se o piCaro esta por Ciar pode Ciar suponho V m não precebeu Cuide mto em tirar resposta da Carta do Cão xordo ou mouCo e diga lhe sempre q eu sempre estou a escrever a V m pa ConCerto. veija se preceBe rasgue ou queime esta Ds gde a V m

Miranda e setenbro 5 de 1724 s de seu sobrinho Franco Macho Carrina

Legenda:

ExpandedUnclearDeletedAddedSupplied


Download XMLDownload text