PT | EN | ES

Main Menu


Powered by TEITOK
© Maarten Janssen, 2014-

CARDS0019

[1827]. Carta de Maria José de Miranda para seu filho José Caldeira Vieira de Andrade, cadete.

Author(s)

Maria José de Miranda      

Addressee(s)

José Caldeira Vieira de Andrade                        

Summary

A autora avisa o filho para não voltar para a casa, pois sabe que o querem prender.
Javascript seems to be turned off, or there was a communication error. Turn on Javascript for more display options.

Meu filho

Resebie a tua a qual me pos no maior cuidado e aflisão porq eu não sepus a grande ajaneira q tu fizestes com a saida da caza das primas pois nunca fazes senão couzas q te deie proijo e desgostos pa mim porq o menos estavas aonde te dese de comer e tratase da tua molestia mas ja agora pasiensa o q te peso por tudo q não aparesas porq estas pronesiado e mto carragado pois bastantes calunhas e mentiras te amarão e mais a theu Pai e agora todos estes maós estão a dezejar q venhas prezo pa o forte pois te quere fazer ainda pior do q aqui tem feito alguns q tem apanhado agora remeto a lisenca q ja veio de a mais de oito dias pois eu logo a mandeie mas como tu não estavas tem tronado as cartas outra ves a vir a pa eu ja mandeie seis crozados novos a prima Carmo q tu ficastes devendo a respeito do estado não o mandes nunca e nem escrevas pa nimguem e pa mim hesas venhão com o sosbrescristo a Snra Izabel Maria Viuva e eu de ca hei de por o nome de meu Primo Antonio Luis de Aguiar e mesmo asim não escrevas mto cada ves sinto mais o demzemparo em q theu Pai te deixou eu tenho estado a morte com a mor dor pelo o desgosto q tenho a theu respeito porq bem desgrasado hes com tantos trabalhos mas Ds de fenicta Mizicorda pedelhe com grande fe q a te acuda pois nós fazemos o mesmo eu não sei o conto as promesas q tenho prometido pa q te não asuseda nada aDs q não poso mais porq estou mto duente

M J M 18 de 8bro

fas o q tanto te peso obrar como homem de bem aqui no dia 28 ha huma grande bataria pa se prender todos os q estiveres no campo e per esas terrra pequenas asim tem toda a cautella


Legenda:

ExpandedUnclearDeletedAddedSupplied


Download XMLDownload current view as TXTSentence view