PT | EN | ES

Main Menu


Powered by TEITOK
© Maarten Janssen, 2014-

Sentence view

1542. Carta de António Fernandes, mercador, para Diogo de Sousa, mercador.

Author(s)

António Fernandes      

Addressee(s)

Diogo de Sousa                        

Summary

O autor avisa da má qualidade da lã que lhe foi enviada e da dificuldade em vendê-la.

Text: -

Tags:


[1]
1542 em ẽves a 5 de mayo sor
[2]
mtos dias são lhe stpvy por se ofreçer posto q nẽ por iso deyxey sempre de trabalhar por vemder estas las
[3]
porẽ como qer q me tinha stpto q joã Roiz lhas vemdera da sorte a 4 dso trabalhey sobre iso e foy posyvell nẽ ha quẽ as cõpre nẽ pa esta tra porq seruẽ pa outa cousa q pa colchois
[4]
e nestas avera pa 40 anos segũdo hos pouqos se vemdẽ de modo q as troquey a trygo
[5]
e tomava ho trygo a 8 lhx o lastre e me tomavã as las a 4 dso tall comdiçã de lhe dar 2 qsa a prova as quais lhe dey
[6]
e se achou de demtro Roim e çuja e cheos de choquas como se la diz que mais pesava a çugidade q a laã
[7]
de modo que se desfez o partido
[8]
trabalhey por outsa ptes polas vemder e ouve Remedio
[9]
somte homẽ mas toma a troquo de dobre estofa e me da a 3 dso ¼ por lh
[10]
e lhe çertifiquo que se ho faço q me parece se vemderã dez anos
[11]
portamto digo q Recebemdo esta me avise ho q quer q se faça
[12]
e asy lhe digo que se mãdar mais q sera trabalho vemderẽse mais d a 2 dso e isto a troquo de outsa Mcadsa
[13]
e lhe digo q se a 2 dso me desẽ a pagar ha termo de ano q as dese de mto boã vomtade porq ja sey ho q se pode fazer ellas
[14]
e aquy ha mto q tem trato nesas ptes domde vem e as vemderã da sorte a 2 dso
[15]
e porẽ como quer q estã espmẽtadas pstã pa nhũa obra
[16]
ha ja pesoa q as queira cõprar
[17]
asy q isto pasa
[18]
eu estou cõcerto este homẽ q digo e ho faço nẽ sey se ho farey ate ver sua Resposta,
[19]
outra cousa ha de novo somte q ho trygo abaxou qua mto ha nova q de lla e de lixa veo da mta soma q se ajumtou de todas ptes
[20]
porẽ todo esta ho ano ser bom ou
[21]
la lhes mãdey pouqo
[22]
farã como poderẽ pois se mais pode fazer e tãto noso sor seja com todos
[23]
a so de vm ãto frz
[24]
Somos a 2 de junho
[25]
a copia desta foy por via de lixa
[26]
depois vemdi suas las a 2 dso ¼ a ano de termo
[27]
e segũdo sua bomdade a vemda he boã
[28]
se ha podido mais fazer quãdo forã 200 vezes minhas.
[29]
portamto pode avisar se quer solias ou olãdas porq sobre a letra se lhe mãdarã
[30]
e senã esperaremos ho tempo q sera mto bẽ pa ja a seu tempo
[31]
e neste caso ho dito basta
[32]
se tevera acordado ho do trygo estevera bẽ aviado segumdo ho negoçio la vay.
[33]
todo qto ds faz he por milhor
[34]
asy q neste caso ha q mais dizer, somte q noso sor seja todos

Text view